domingo, 28 de agosto de 2011

Revelações de Abaluaê

 
 
Essa semana, devido a comemoração do orixá Abaluaê ou Obaluaie/Omulu no mês de agosto, recebi alguns textos muito interessantes desmistificando as superstições em torno deste Senhor da Luz da Cura, sobre o qual ainda se ouvem muitas besteiras.
 
Relativamente tenho pouco tempo de Umbanda, porém a vida inteira de estudo dentro da espiritualidade e de mitologias diversas, e mitologia, quem estuda sabe, só muda o nome da cultura, a essência é tudo igual. Algumas pessoas, presas a lendas africanas, temem o orixá como se ele fosse a peste, algo quase malígno, sem perceber a incongruência disso, uma vez que ele, como os demais orixás, é manifestação da Luz Divina. Outras o temem pelo mesmo motivo que na Wicca chamávamos aquelas pessoas mais deslumbradas de 'pink wicca', ou seja, aquela pessoa que só quer saber dos aspectos 'fofinhos' da divindade, e não tem maturidade ainda para compreender que é preciso luz para haver sombra.
 
Durante a obrigação a Abaluae, recebi a graça de entrar no campo vibratório desse orixá e receber explicações que batem em muito com a essência de todos  esses textos.
 
Dentre elas, que nada disso que falam sobre ele é verdade, que atrai coisas ruins ou que não se devem ter objetos dele em casa, etc.
Resumidamente, me foi explicado que ele é o orixá da transformação necessária para evolução e para a cura.
E as pessoas não querem mudar nem gostam de serem forçadas a se mexer, então, embora queiram a cura, procuram o quanto antes 'livrar-se ' da energia de mudança que ele impõe.

Ou vi claramente as seguintes frases:

Queres a cura física? Muda!
Queres a cura emocional? Muda!
Queres a cura espiritual? Muda!

Todos querem receber suas curas, mas ninguém está disposto a mudar.

Orixá da Reforma Íntima e do caminho inexorável que todos teremos que fazer na limpeza de nossas vestes espirituais, no cumprimento do karma por força de nossas próprias ações (coisa que ninguém quer encarar) e na mudança de nossos padrões íntimos.

Por todas essas coisas, Abaluae é visto com temor e evitado. Não por ele ser algo negativo, mas... Porque não queremos encarar as mazelas que ocultamos por trás das palhas onde nos escondemos.

Atoto Abaluae
Salve Omulu


 

sexta-feira, 19 de agosto de 2011

As Lendas Urbanas Espirituais - parte 7

Enfim, encerrando a série de posts sobre As Lendas Urbanas Espirituais, e desejando que todos nós possamos ir largando a cada dia um pouco do 'ranço' de acomodados em velhos conceitos ultrapassados que vão minando nosso potencial de mudança.


Lenda número 7
Tudo o que acontece é porque tinha que acontecer
E seus sinônimos equivocados:
Não cai uma folha de uma árvore sem que seja da vontade do Pai
Se aconteceu foi porque Deus quis



O ditado popular original – que nunca fez parte da bíblia, apesar de todo mundo adorar dizer que faz - na verdade é confundido pela maioria em dois conceitos muito distintos; a onisciência do Pai X Sua Vontade.
O que mais perto consta na bílbia a esse respeito é dito por Mateus:

 “Não se vendem dois passarinhos por um centavo? E nenhum deles cairá em terra sem a vontade de vosso Pai. E até mesmo os cabelos da vossa cabeça estão todos contados. Não temais, pois; mais valeis vós do que muitos passarinhos”. (Mateus 10.29-31).
 
            Para mais atribuições indevidas à Bíblia, leia:
http://www.webartigos.com/articles/20099/1/O-QUE-A-BIBLIA-NAO-DIZ-3/pagina1.html

Raciocine: existe livre-arbitrio e o choque entre milhões deles. Como se diz em inglês: ‘shit happens’. Ou atenuando: coisas ruins acontecem. Acostume-se e previna-se.

Ou você acha que é vontade de Deus que ocorram guerras, que mulheres sejam estupradas ou que os gansos tenham o fígado atrofiado e os bezerros sejam mantidos num cubículo sem poderem se mexer, destituídos de qualquer direito ou consideração por serem uma forma de Vida Manisfestada, apenas para servir de regalia cara e refinada a quem por isso possa pagar? 

Acreditar nesse tipo de ditado sob desculpa de TER FÉ é dar corda pra amanhã sentir-se abandonado ou lesado por um Deus incoerente e que avaliza os sádicos.

Cada um pagará por aquilo que fez e faz. A semeadura é livre, a colheita obrigatória. Nessa vida ou em outra. 
Mas muita atenção! Nem tudo é karma!
A Lei da Atração é real, porém quem de nós se mantém vibrando positivamente 200% do tempo para estar em sincronicidade perfeita evitando tudo que de desagradável e ruim possa acontecer nos dias e no mundo de hoje?
Faça sua parte, material e espiritual, tenha atitudes que privilegiem sua segurança e mantenha sua mente em sintonia com o bem, o bom e a felicidade. 
Ore.
Mas não viva iludido e esteja pronto para lutar contra as adversidades se e quando elas ocorrerem, auxiliando o plano espiritual, os seus amigos e a realinhando suas próprias fontes de força interiores de resiliência e sobrevivência para reposicionar o trem nos trilhos quando a vida ameaçar descarrilhar, em vez de se portar como vitima e viver se lamentando da má sorte.

Questionar-se é bom, mas agir é o que resolve.
Faça ambos.

segunda-feira, 8 de agosto de 2011

As Lendas Urbanas Espirituais - parte 6


Lenda número 6
A voz do povo é a voz de Deus

Para saber a origem do ditado, veja:

Não somente não é nem nunca foi bíblica tal citação, como desafia qualquer lógica de observação.

Quem elegeu os panacas que nos governam?
A democracia é uma palavra que os ‘bonzinhos’ de plantão adoram, como se ela fosse de fato o instrumento de igualdade e justiça que pretendem que ela venha a ser. Entretanto alguns dos maiores filósofos que este mundo já conheceu odiavam a democracia, como Aristóteles e Platão.

Apesar de parecer um pecado atestar contra a democracia, principalmente nos Estados Unidos, de onde absorvemos por osmose esses conceitos,  onde ser democrata ou republicano define o pensamento moderno ou preconceituoso, respeitador dos direitos das minorias ou bélico, é muito simples verificar a falha de lógica presente nessa forma de governo:

Se você estiver com dor de dente e for um problema de canal, por exemplo: quem você vai ouvir? O dentista, ou vai fazer uma assembléia pra saber a opinião do encanador, do eletricista, do contador e do padeiro sobre o seu problema?

Se seu filho estiver com uma infecção, você vai ouvir o médico ou o advogado?

O Brasil é democrático? 
Seu voto conta?
Foi você que deixou então a Amazônia ser devastada?
Sua opinião foi pedida sobre o assunto? 
Você também recebeu email pedindo pra assinar petição a respeito disso ou daquilo?
Adiantou?
                 
Nosso povo não é versado e nem interessado em política. E no entanto votam. 
E aí está a merda em que vivemos... 
Muitos criticam a monarquia, mas dá uma olhada na Inglaterra e na Suécia, compare a situação deles e a nossa: quem está melhor? 

A diferença é por nas mãos de quem tem entendimento do assunto e inteligência para tal, o poder de decidir sobre uma situação.

Esse post se refere a uma realidade tanto política, com social, como espiritual, como magística. Nem todos estão aptos a versar sobre tudo. 

Há uma enorme diferença entre respeitar opiniões diversas e por faca em mão de criança.
Todos terem direitos iguais não é o mesmo que todos poderem arcar com responsabilidades iguais.

No Tarot das Bruxas, o arcano XV, O Diabo, é representado por uma mulher se olhando no espelho. 
Talvez seja porque a Vaidade é a mãe dos tolos. Como o canto da sereia, a auto-importância que alguém se dá é a ilusão que pode lançá-la ao fundo do mar da perdição - sua e, muitas vezes, dos outros.

Pode lhe doer no ego, mas a verdade é que o fato de você existir não lhe habilita a dar opinião sobre tudo.

Humildade deve ser palavra de ordem sempre.